O que são anéis sinete e Chevalier em prata?

Você já deve ter se perguntado o que são anéis sinete e Chevalier em prata e suas diferenças, mas acontece que eles são o mesmo  modelo de anel, mas com nomes diferentes. Por isso, neste texto chamaremos o anel Chevalier apenas de anel Sinete. Você já se perguntou por que algumas pessoas usam anéis gravados nos dedos e as vezes no dedo mindinho? É um anel de sinete. Os anéis de sinete são uma parte importante da moda há milhares de anos. Para homens ricos e importantes, um anel de sinete era uma ferramenta poderosa semelhante a uma assinatura. Um anel de sinete é separado de outros anéis com base em um símbolo gravado ou em relevo, uma série de palavras ou letras, ou até uma imagem na metade superior do anel que represente de alguma forma seu usuário. Pode ter sido um nome, iniciais, cargo, posto, organização ou brasão da família.

anel monograma no dedo masculino 2
anel monograma no dedo masculino 2
anel sinete lux em prata
anel sinete lux em prata

Embora não seja mais necessário selar a correspondência com esses anéis, já foi uma parte essencial da sociedade e da cultura, e desempenhou um papel significativo na história. Hoje o anel de sinete não tem mais muito significado na sociedade. É mais uma declaração de moda ou herança de família transmitida de uma geração para a outra. A família real na Inglesa e outras famílias aristocráticas na Europa, você pode esperar ver alguém usando um autêntico anel de sinete herdado.

A história dos anéis de sinete.

Historicamente, os anéis de sinete desempenharam um papel significativo nos negócios e na política. Usado originalmente como um selo, um cavalheiro usaria seu anel com o brasão, emblema ou monograma de sua família para carimbar documentos importantes. Ao mergulhar o anel em cera quente ou argila mole, o anel deixou um selo distinto que foi considerado, na época, mais oficial do que o de uma assinatura.

Usado em escala global por líderes mundiais e homens monumentais, o anel era visto como uma forma de provar a autenticidade. No início da era minóica, os anéis eram formados de pedras macias e marfim. Na Idade Média Minóica, eles eram feitos de pedra mais dura e, no final da Idade do Bronze, eles se tornaram os anéis de sinete que conhecemos hoje. Durante o período helenístico (323 aC – 31 dC), eles eram considerados uma forma de arte, além de serem usados para esse propósito. Por volta da mesma época, o  Rei Mitrídates VI se tornou um ávido colecionador de anéis de sinete.

Nos tempos medievais, a maioria dos membros da nobreza tinha um anel de sinete, e o usava para assinar e selar suas cartas de nobreza ou outros papéis importantes. O anel de sinete era agora amplamente considerado a única maneira autêntica de assinar sem a preocupação de falsificação ou adulteração. Apesar de existirem documentos legais, a arte da caligrafia não existia e essa é uma das razões pelas quais o anel de sinete era tão vital e importante para os membros da sociedade que seriam responsáveis por assinar tais documentos. Como o anel era tão poderoso, às vezes era destruído quando o seu dono morria, e muitas vezes uma cerimônia ou ritual era realizado.

Uma imagem seria deixada quando o anel fosse pressionado nela, portanto, tinha que ser resistente ao desgaste e danos. Muitas vezes, os anéis seriam feitos de ouro ou prata com o design fundido, em vez de esculpidos na extremidade plana do anel. Com a popularidade dos anéis aumentando, muitas famílias mantinham esses anéis pesados e grandes em caixas de joias da família à medida que se tornavam mais ornamentados e decorados ao longo dos anos.

Muitas vezes, os homens optavam por não usá-los no dedo e, em vez disso, os montavam em correntes ou no chaveiro de seu relógio de bolso. Os anéis mais comuns eram iniciais e monogramas com os homens mais titulados usando anéis decorados com seu brasão oficial ou brasão da família. Alguns tinham símbolos simples e outros tinham uma letra ou um padrão distinto.

O anel de sinete hoje.

Sabendo o que são anéis sinete e Chevalier em prata, podemos agora afirmar que ele não tem mais muito significado na sociedade moderna como tinha na sociedade do passado. É mais uma declaração de moda ou herança de família transmitida de uma geração para a outra. A família real na Inglaterra e outras famílias aristocráticas na Europa representam alguns tipos de pessoas que você pode esperar ver usando um autêntico anel de sinete herdado.

Na maioria dos casos, hoje em dia, é uma questão de estilo pessoal quando alguém usa um anel de sinete. Alguns clubes, corporações e famílias continuam a dar anéis de sinete como presentes após um certo tempo de serviço, uma formatura ou um elogio. Muitos militares usam anéis de sinete que refletem sua posição como símbolo de status, enquanto outros usam anéis simbólicos para mostrar o ramo com o qual serviram.

O que gravar no seu anel sinete?

Não tem um brasão de família Sem problemas! Se você gosta do design de um anel de sinete, mas sua família não tem um brasão, você pode personalizar ele com seu monograma, suas iniciais ou até mesmo o ano de seu nascimento. Alguns casais optam por trocar anéis sinete como se fossem alianças, usando as iniciais de seu/sua parceiro/parceira, enquanto outras pessoas não querem nenhuma personalização na joia, usando ela lisa ou com alguma pedra em seu topo.  O design daquilo que você quer usar é inteiramente com você.

aneis em prata variados
aneis em prata variados
anel sinete em prata com onix
anel sinete em prata com onix

Em que dedo você deve usar seu anel sinete?

Não há regras para isso, então você pode usar um anel em qualquer dedo que escolher! Dito isto, existem muitas tradições sobre quais dedos os anéis devem ser colocados . Na Inglaterra, tradicionalmente, o anel de sinete é usado no dedo mindinho da mão esquerda. Durante os tempos vitorianos, os homens usavam o anel mindinho e a aliança de casamento empilhados no dedo mindinho esquerdo. Winston Churchill usava seu sinete no dedo anelar direito. Mas acreditamos que o anel deve ser usado da maneira que você se sinta bem.

Conclusão

Agora que você já sabe o que são anéis sinete e Chevalier em prata, podemos afirmar que eles são joias muito versáteis. Elas podem ser feitas com uma grande variedade de formatos e acabamentos, e também escolhemos os anéis sinetes por expressarem muito mais do que nossos gostos e estilos, mas também porque eles são ferramentas poderosíssimas quando falamos em expressar uma linguagem própria e autêntica. 

Compartilhar esse conteúdo

Posts relacionados

Aprenda como limpar prata com 3 ingredientes!

Aprenda a limpar Prata com ingredientes super comuns, devolvendo o brilho de suas joias rapidamente. Presente em uma infinidade de objetos,... read more

aneis antique geo

Qual Anel Feminino combina mais com você?

Pessoas como nós gostamos de joias exclusivas e cheias de significados, por isso criamos esse guia para você saber qual... read more

Qual Anel Masculino combina mais com você?

Pessoas como nós gostamos de joias exclusivas e cheias de significados, por isso criamos esse guia para você saber qual... read more

O que são anéis sinete e Chevalier em prata?

Você já deve ter se perguntado o que são anéis sinete e Chevalier em prata e suas diferenças, mas acontece... read more

medindo dedo para anel

Como medir o dedo para anel: Aprenda agora com segurança.

Aprenda como medir o seu dedo para comprar um anel ou aliança. Esse tipo de pergunta tem aumentado com o... read more

anel lux em prata

Por que a prata escurece?

  Você já deve ter se perguntado por que a prata escurece, não é mesmo? Na verdade, vários fatores são responsáveis... read more

Você sabe a diferença entre a prata de lei e a 925?

Você sabe a diferença entre a prata esterlina e a prata 925?

Você sabe a diferença entre a prata esterlina e a prata 925? Nós vamos contar um pouco da historia da... read more

Liga especial de prata

Você sabe a diferença entre a prata de lei e a prata 925?

Você sabe a diferença entre a prata de lei e a prata 925? Nós vamos contar um pouco da historia... read more